Página Inicial Notícia

SEGURANÇA 15/05/2019 Prefeitura prepara projeto para ampliação do sistema de monitoramento da cidade

Prefeitura prepara projeto para ampliação do sistema de monitoramento da cidade

A segurança pública em Franco da Rocha ganhará um grande reforço em breve, com a ampliação do monitoramento eletrônico da cidade. A equipe da secretaria de Governo está concluindo estudo para aumentar e melhorar a ferramenta de monitoria, com instalação de câmeras inteligentes e compartilhamento de informações com os municípios vizinhos.

O trabalho é efetuado sob a coordenação do comandante da Guarda Civil Municipal (GCM), Elias Oliveira, pelo gestor geral de monitoramento, Dorival José da Silva, e pelo responsável pela segurança patrimonial, Juan Bermejo. A ampliação do monitoramento vai garantir mais segurança para os franco-rochenses, além de consolidar dados sobre o número de veículos que transitam pela cidade, possibilitando que a prefeitura organize ações para ajudar na fluidez do trânsito, principalmente em horários de pico.

O novo sistema se junta a outros avanços, como, por exemplo, a implantação de diversos semáforos pela cidade, gradis de segurança, que ajudam a prevenir atropelamentos, novos terminais de ônibus e o próprio sistema de monitoramento, que começou no início de 2016.

A expectativa da Secretaria de Governo é dobrar a quantidade de câmeras. Atualmente, Franco da Rocha conta com 290 câmeras espalhadas pelo município, que monitoram tanto ruas e avenidas quanto prédios públicos, como as escolas municipais.

Segundo o Comandante Elias, esse trabalho vai garantir maior rapidez em ações da GCM: “com o novo sistema será possível ver onde está a viatura e dessa forma, o guarda municipal presente na ação poderá acionar a nossa central e pedir para que acompanhem aquela abordagem no monitoramento. Caso a situação precise de reforço, imediatamente outras viaturas próximas serão acionadas e deslocadas para irem até o local dar apoio”.

Esse tipo de integração entre a guarda, o trânsito e o sistema de monitoramento permite que a ação seja legitimada e garante a segurança de todos os envolvidos nela. Para cuidar dessa central, membros da GCM já foram capacitados e novos integrantes também serão treinados.

“É uma gestão integrada, onde serão combinados o trabalho da Polícia Militar, da Polícia Civil, a GCM, as equipes de trânsito, as delegacias e outros municípios que já tenham o sistema. O objetivo final é interligar o Brasil todo, com informações em tempo real”, afirmou Dorival, gestor geral de monitoramento

Mais sobre o monitoramento

O serviço foi implantado em 2016 em Franco da Rocha e já garante a segurança de alguns locais públicos, principalmente das escolas municipais, onde as câmeras foram instaladas em pontos estratégicos. “Esse projeto iniciou na educação. O que vai ser feito agora é aperfeiçoar e estender ele para todos os próprios da prefeitura, além de aumentar significativamente o número de câmeras na cidade, garantindo assim mais segurança a todos”, afirmou Juan.

O planejamento e a capacitação dos servidores é a chave para o desenvolvimento do novo projeto. O resultado? Os guardas, agentes e vigias terão apoio externo e estarão mais preparados para zelar, principalmente, pela segurança da população franco-rochense. Além disso, o grande investimento tornará Franco da Rocha mais segura e equipada contra atos ilícitos, melhorando assim o tempo de resposta do poder público em cada ocorrência, consequentemente, diminuindo os índices de criminalidade no município.

Vale ressaltar que todas as imagens são utilizadas para garantir a segurança e ordem pública e são fornecidas via pedidos judiciais ou mediante solicitação dos órgãos de segurança pública.

(Texto e foto: Ewerton Geniseli)