Página Inicial Notícia

ESPORTE 22/07/2019 63º Jogos Regionais: Franco da Rocha é bronze no taekwondo e no judô

63º Jogos Regionais: Franco da Rocha é bronze no taekwondo e no judô

E deu pódio mais uma vez para Franco da Rocha na 63° edição dos Jogos Regionais que aconteceu em São Sebastião entre os dias 2 e 13 de julho. As modalidades premiadas foram o taekwondo, com o atleta Erivaldo Martiniano, na categoria masculino até 80 kg, e no judô com Marinaldo Andrade que lutou na categoria sênior leve (-73 kg).

Foram disputadas três rodadas, enfrentando lutadores de alto nível das cidades de Arujá, Pindamonhangaba e São José dos Campos. E para estar bem preparado para a competição, Erivaldo começou os treinos desde o início do ano, fazendo intercâmbio com várias equipes, inclusive com alguns atletas da seleção brasileira de taekwondo, equipe da Universidade Paulista, e mais treinos específicos para potência, agilidade, táticas e outras técnicas.

O taekwondista de 34 anos conseguiu chegar à semifinal numa luta disputadíssima, mas como havia tido uma lesão na luta anterior, isso influenciou diretamente em sua performance e o atleta acabou perdendo para o adversário de São José dos Campos.

No taekwondo é utilizado o sistema de eliminatória simples, no qual cada disputa tem somente um ganhador que prosseguirá na competição. Com esse resultado, Erivaldo conquistou o bronze para Franco da Rocha.


O esportista já possui um extenso currículo na área, somando mais de 15 títulos.

O treinador Josimar Soares que já dá aulas há pelo menos nove anos, conta que o aluno é muito esforçado nos treinos e com toda certeza vai longe no esporte. “Ele é muito experiente, um atleta dedicado e muito focado, sei que ele deu o seu melhor, e a cada dia vamos melhorar. Estou contente por mais uma vez poder contribuir para esse resultado”.

Judô também conquista medalha

O judoca Marinaldo Andrade, de 25 anos, mostrou muita força e técnica nas cinco partidas disputadas contra São Sebastião, Mogi das Cruzes, Pindamonhangaba, São José dos Campos e sua adversária na disputa do bronze, a cidade de Caraguatatuba. Nas três primeiras lutas o atleta conseguiu finalizar os rivais com um golpe de ippon, que consiste na derrubada do adversário, imobilizando-o com as costas ou ombros no chão durante 20 segundos. Ao concretizar o golpe o combate é encerrado.

A treinadora Daniela dos Santos que acompanha o judoca desde o início, quando ele ainda era aluno do seu pai, o sensei Juarez de Jesus, diz que todos estavam torcendo muito pelo lutador, que em resposta trouxe a medalha para casa. “Ele é medalhista em todos os torneios que já participou pela Federação Paulista de Judô, então, devido à carreira dele no esporte, já esperávamos um bom resultado e ele fez jus às expectativas de todos. Foi uma vitória muito positiva para nosso grupo, ficamos muito felizes pela conquista”, afirmou.

Marinaldo também contou que acima de qualquer premiação o importante é sair da competição satisfeito consigo mesmo pelo trabalho realizado, e deixou uma mensagem aos iniciantes. “A vida pode ser dura, o mundo pode ser cruel, mas uma trajetória vencedora se dá pelos desafios, pois tempos difíceis fazem homens fortes, vai de cada um escolher o seu destino, se ele vai ser mais um no meio de tantos ou ser o diferencial. Força de vontade e perseverança é que fazem o sucesso”, concluiu.

(Texto: Danielle Magalhães - Foto: Equipe Esporte)