Página Inicial Notícia

ASSISTÊNCIA SOCIAL 07/08/2019 Inauguração da nova sede da APAE contou com o apoio de autoridades e da comunidade local

Inauguração da nova sede da APAE contou com o apoio de autoridades e da comunidade local

Aconteceu no sábado (27) a tão esperada inauguração do novo prédio da APAE (Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais), que contou com a presença do prefeito Kiko Celeguim, do vice Dr. Nivaldo, da secretária de Assistência Social, Ana Maria Ribeiro, dos vereadores Alex Caixa e Eric Valini, do presidente do Conseg, João Miguel Gasparim Filho, além do apoio de toda comunidade local. Veja fotos do evento

O prédio cedido pela prefeitura fica na rua José Augusto Moreira, 345. O local possui agora oito salas terapêuticas e uma administrativa e conseguirá suprir, com mais conforto, as necessidades das 150 pessoas portadoras de deficiências intelectuais e múltiplas que o equipamento atende atualmente, em média.

Com a mudança, a instituição passará a oferecer também o serviço de fonoaudiologia, que se soma aos já existentes: psicologia, assistência social, terapia ocupacional e fisioterapia.

Agora, a APAE dispõe de espaços mais amplos e salas apropriadas para a realização dos atendimentos. O equipamento terá como uma de suas principais aspirações a melhoria e qualidade nos serviços oferecidos, voltados para uma comunidade significativa de cidadãos portadores de necessidades especiais.


Com a nova sede, a associação também recebeu novos equipamentos por meio de um projeto apresentado ao Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo, e Comarca de Franco da Rocha, para a captação de valores de pena pecuniária da Vara do Juizado Especial Cível Criminal.


Conheça um pouco mais sobre a APAE

A primeira sede surgiu em 1954, e foi fundada por um grupo de pais, amigos, professores e médicos de excepcionais, A associação se destacou pelo seu pioneirismo na área de atender e desenvolver atividades criativas e profissionalizantes para crianças e adolescentes portadores de necessidades especiais.

Com o tempo, mais APAEs começaram a surgir por todo o país, e hoje decorridos 52 anos, são cerca de 2 mil espalhadas pelo território brasileiro, sendo o maior movimento filantrópico do país e do mundo na área.

A colaboração da sociedade em geral para a entidade foi essencial e ainda é muito importante, vindo de todos que acreditam, apostam e lutam pela causa da pessoa com deficiência.

(Texto: Danielle Magalhães - Foto: Orlando Junior)